Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em Busca de Um Sentido

08
Dez17

Poema de Natal

Tatiana

Disseram-me para ser simpática,

Afinal de contas é Natal

E eu, sempre problemática

Penso "É preciso sê-lo para tal?"

 

Depressa me mostro indignada,

"Não mostras sempre um sorriso?"

O que recebo é pouco mais que nada,

E observo aquele ar meio indeciso.

 

Parece que a época serve de desculpa,

Em Dezembro todos se unem,

Será que é pela tal lista?

Espero que não se decepcionem.

 

Se for pelas prendas, pior é.

Onde anda a solidariedade durante o ano?

Parece que só agora há esta Fé,

Em que passa tudo por puritano.

 

E essa consciência, não se faz ouvir?

Quando Janeiro chegar, lembra-te:

Haja o que houver, é para sorrir,

Até porque a simpatia é para o ano todo.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D