Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em Busca de Um Sentido

26
Set17

Meu avô...

Tatiana

Querido avô,

 

Escrevo-te para te tranquilizar, porque vai ficar tudo bem. Apesar de saber que a tua ausência nos dói, eu também tenho noção de que as boas memórias, aos poucos, vão atenuar tudo aquilo que me faz ser melancólica e pensar em ti como algo que perdi.

 

Sei que apesar de ter perdido o teu abraço, o teu carinho e todas as palavras que me dizias, não perdi os ensinamentos que me deixaste... Para além disso, quero que saibas que também não perdi a memória do brilho do teu olhar quando observavas a tua família.

 

Caso estejas por aí a ver-nos, não estejas preocupado... Vai passar. A saudade não, mas a revolta, a necessidade de chorar e de nos isolarmos, tudo isso vai passar. Apenas é complicado mentalizarmo-nos de que cada vez que entrarmos pela porta da tua casa, já não vamos mais ouvir "olha os meus meninos"... Vai ser só o silêncio de um lar que já teve tudo e era quente e agora está gelado.

 

Uns lidam melhor com a tua ausência do que outros. Confesso que não sou a que lida melhor... Mas fica descansado, eu vou aprender que isto é a lei da vida, que ninguém cá fica e que felizmente eu dei-te de mim tudo aquilo que pude, para que hoje, quando me deitar à noite, as lágrimas não sejam de arrependimento, mas sim de saudade... Uma saudade que me queima a garganta e faz com que me sinta vazia.

 

Talvez leve meses, ou até mesmo anos, mas eu vou deixar de sentir este vazio, porque vou enchê-lo com todo o amor que sinto por ti e pela família que somos... Estejas onde estiveres, não te esqueças que tudo o que somos, também o devemos um bocadinho a ti, e por isso, um grande obrigada.

 

Agradeço-te pelos ensinamentos, pelas risadas, pelo carinho, pela preocupação... Principalmente agradeço-te por me teres como parte de ti, quando quem devia tê-lo não teve. És o meu avô e isso ninguém me tira.

 

Descansa em paz, nós estamos bem.

A tua netinha

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D