Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em Busca de Um Sentido

26
Jan18

Desafio 52 Semanas

Tatiana

Passado um mês decidi que iria ceder e ia começar o desafio das 52 semanas... Eu bem sei que já vou um bocadinho tarde e por isso mesmo deixo-vos com as respostas das primeiras 4 semanas, para que me perdoem o erro e o esqueçam rapidamente! Aqui podem encontrar a lista das questões para cada semana e se também ainda não começaram a responder, ainda vão a tempo!

52 semanas.jpeg

Semana 1: Coisas que me fazem ficar feliz

 

Sou rapariga de se contentar com pouco... Isto é, qualquer gesto bonito, qualquer sorriso, qualquer piada (...) me faz ficar feliz e bem disposta. Apesar disso, também é imensa a facilidade com que fico de mau humor. Tendo muito para os extremos...

 

Semana 2: Eu nunca...

 

Eu nunca deveria dizer nunca. Se há coisa que aprendi nos 20 anos que por aqui ando é que cada vez que digo "nunca vou fazer" acabo a morder a minha própria língua. E a minha sorte é que não tenho veneno se não a brincadeira já me tinha corrido mal.

 

Semana 3: Coisas para se fazer no calor

 

Dormir despida e esperar que voltem as temperaturas amenas... E banhos, muitos banhos.

 

Semana 4: As minhas citações preferidas são: (trechos de livros, de músicas, frases de autores, etc)

 

Vou dar as atuais, que são todas do livro Ensaio Sobre a Cegueira, de José Saramago e que algum dia irão ser discutidas num post. Eu e coisas preferidas não nos damos muito bem, visto que eu mudo de ideias com a maior facilidade deste mundo. 

 

"É desta massa que nós somos feitos, metade de indiferença e metade de ruindade."

 

"Não tenho o direito de olhar se os outros não me podem olhar a mim."

 

"... Se antes de cada ato nosso nos puséssemos a prever todas as consequências dele, a pensar nelas a sério, primeiro as imediatas, depois as prováveis, depois as possíveis, depois as imagináveis, não chegaríamos sequer a mover-nos de onde o primeiro pensamento nos tivesse feito parar."

 

"Os bons e os mais resultados dos nossos ditos e obras vão-se distribuindo, supõe-se que dê uma forma bastante uniforme e equilibrada, por todos os dias do futuro, incluindo aqueles, infindáveis, em que já cá não estaremos para poder comprová-lo, para congratular-nos ou pedir perdão, aliás, há quem diga que isso é que é a imortalidade de que tanto se fala."

 

"Assim como o hábito não faz o monge, também o cetro não faz o rei, esta é uma verdade que convém não esquecer."

17 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D