Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em Busca de Um Sentido

Bullet Journal I

Fevereiro 20, 2018

Comecei a usar um bullet journal quando entrei para a universidade - em setembro de 2016. Na altura andava toda entusiasmada para criar algo bonito com a ajuda do Pinterest. Cheguei a criar um álbum por lá, para guardar as ideias que me agradassem e de vez em quando ainda vou acrescentando algumas coisas.

 

Penso que toda a gente que começa algo do género acaba por se fascinar um bocadinho e perder o foco. Eu não fui a exceção.

 

Escolhi este método de organização principalmente porque nunca me consegui orientar com uma agenda convencional. Queria algo que fosse versátil e que permitisse a adaptação às minhas necessidades. No entanto, o meu foco dispersou e eu comecei a inventar. Acrescentei coisas que agora não fazem o mínimo sentido, mas que me mantinham ocupada e distraída, como é o caso de uma página para controlar a quantidade de horas que eu dormia.

 

O meu antigo bullet journal teve direito a tudo:

  • um calendário com datas de aniversário;
  • um calendário com datas relacionadas com a faculdade;
  • em época de exames um calendário para controlar o que estudava;
  • uma página de citações preferidas;
  • uma página de músicas preferidas;
  • uma página de livros que queria ler;
  • uma lista de compras;
  • uma wishlist;
  • uma página para apontar os episódios vistos das minhas séries;
  • (...)

 

Não preciso de dizer que a longo prazo não consegui manter o bullet journal e deixei-o totalmente de lado até as aulas terminarem. Acabei por me fartar porque deixou de ser funcional, devido à minha necessidade de ter tudo bonito e não ter tempo para o fazer. 

 

Se acho que é um ótimo método de organização? Para mim é o melhor... Mas só agora, que adotei um método um bocadinho diferente, que irei explicar mais tarde. Hoje quero apenas transmitir que manter tudo o mais simples e intuitivo possível é a melhor opção, pelos menos para mim, principalmente porque inventar pode fazer com que algo maravilhoso se torne maçante e uma perda de tempo.

 

Deixo-vos então, com fotografias do meu antigo bullet journal...

 

 

 

 

2 comentários

Comentar post

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.