Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Em Busca de Um Sentido

27
Fev18

5 aplicações que mais uso

Tatiana

Como referi no segundo post acerca do bullet journal, comecei a utilizar aplicações online para organizar coisas da minha vida que não fossem relevantes o suficiente para serem vistas diariamente e para me motivar no meu dia a dia. Assim sendo, venho mostrar-vos as mesmas e explicar um bocadinho como uso cada uma.

 

- TvTime: eu sou uma devoradora de séries e muitas vezes vejo várias ao mesmo tempo, por isso é importante ir guardando o progresso e para tal TvTime é a solução - permite-nos ter uma lista com o que acompanhamos, diz-nos quando vão ser lançados os próximos episódios, podemos seguir os perfis doutras pessoas e comentar em cada episódio;

 

- Later: comecei a desleixar-me com a página do Instagram do blog e isso aconteceu principalmente por não conseguir planear as publicações com antecedência. Comecei a pesquisar e encontrei esta aplicação que tem uma versão gratuita que nos permite planejar até 30 publicações mensais, fazer logo as respetivas legendas e editar pequenos detalhes. Ao sincronizar a aplicação com o telemóvel, podemos programar tudo no computador e vamos receber uma notificação no telemóvel à hora desejada para que publiquemos - a publicação é aberta no nosso Instagram, a cópia da legenda é feita automaticamente e basta colá-la no espaço devido e partilhar a fotografia;

 

- Spotify: preciso de música no meu dia a dia, e o Spotify é a minha aplicação predileta para tal. Ainda tentei fazer algumas playlists temáticas para guardar as músicas que estava a ouvir no momento e nunca mais as perder, mas recentemente decidi que iria fazer playlists mensais para que possa perceber o que estava a ouvir em cada altura da minha vida;

 

- OneNote: uso-o para apontar citações de que gosto, organizar alguns trabalhos e estruturar o raciocínio sempre que é necessário. Já o usei também para fazer apontamentos para algumas cadeiras e mostrou-se algo bastante útil, embora eu precise de escrever à mão para captar a informação de melhor forma;

 

- Insight Timer: tenho alguns problemas para dormir e às vezes também tenho problemas para me concentrar, então uso frequentemente as meditações guiadas desta aplicação para conseguir adormecer.

 

Têm alguma aplicação para me sugerir?

26
Fev18

Tradições e Costumes | ACMA

Tatiana

ACMApng (1).png

São várias as tradições que estão associadas a diferentes comunidades. O Carnaval lembra-nos o Brasil, o Fado leva-nos a Portugal, a Tourada recorda-nos Espanha, Fast Food tem o sabor dos Estados Unidos da América, a Burca veste as mulheres muçulmanas...

 

Embora não concorde com algumas tradições doutros países, que acabam por ser estranhas para mim e até retrógradas, consigo reconhecer que esses hábitos fazem parte da sua identidade, e que vão ficar para sempre na sua História.

 

Apesar de ainda existirem tradições bastante vincadas em alguns países, sinto que com o decorrer da era digital, a maioria dos países desenvolvidos se estão a tornar cópias uns dos outros. Utilizamos roupas das mesmas lojas, maquilhagens idênticas, admiramos os mesmos desportos, comemos mais ou menos as mesmas coisas... E quando damos por nós a essência do que é ser-se um cidadão do sítio onde nascemos perdeu-se.

 

Apercebi-me disto, quando entendi que na minha família não seguimos nenhum costume ou hábito característico. Não temos nada de diferente que possa dizer que somos uma família portuguesa, ou até alentejana. Sim, comemos os pratos típicos, mas só fazem parte da nossa ementa de vez em quando. Sim, apreciamos fado e cante alentejano, mas não o ouvimos com tanta frequência assim...

 

Sei que tudo isto se deve à evolução das tecnologias e até da mentalidade humana e sinto-me grata por isso. No entanto, acredito que é necessário tentar manter ao máximo na memória aquilo que um dia fomos enquanto comunidade e até celebrar a recordação desses mesmos hábitos, porque um dia seremos parte de uma grande aldeia e pouco será aquilo que nos diferencia.

 

Sobre o projeto A Cultura Mora Aqui
 
Criado pela Ju, do blog Cor Sem Fim, o projeto A Cultura Mora Aqui - ou ACMA, para abreviar - tenciona, tal como tenho vindo a referir nos meses anteriores, trazer a cultura de volta à internet com temas mensais ou bimestrais. Para participarem, só têm de enviar um e-mail com os vossos dados para acma.cultura@gmail.com - aproveito para repetir que não vamos falar sobre outfits, maquilhagem, moda, etc, e que qualquer um de vós pode participar, não sendo obrigatório fazê-lo todos os meses. Para não perderem nenhum post, já podem seguir página do ACMA no facebook e a Revista.

Pág. 1/10

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D