Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Em Busca de Um Sentido

Ainda acham que há liberdade...

Sento-me. Reparo na calma que a brisa me transmite. O Sol, que me aquece a pele, faz com que volte à menina que outrora fui. Esse tempo em que o meu dia se resumia a sair à rua e correr sem destino... Esse tempo em que a minha felicidade era proporcional à quantidade de Sol que a minha pele recebia...

liberdade

O vento nos ramos das árvores lembra-me o mar... Imagino a praia. No entanto, esse pensamento é cortado por outro som. Um ruído. Serão feras? Parecem-me feras... Apressadas... Os seus rugidos estranhos... Tomo atenção e percebo que são apenas carros.